Encontro fala sobre o monitoramento das metas do ODS 6

Encontro fala sobre o monitoramento das metas do ODS 6

Sessão apresentou os sistemas de monitoramento existentes relacionados à distribuição de água e esgotamento sanitário no Brasil e em Portugal

A Brazil Water Week (Semana da Água do Brasil) reuniu na manhã desta sexta, 30 de outubro, especialistas importantes do setor de saneamento para discutir questões envolvendo o monitoramento e relatórios dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) 6.1, 6.2 e 6.3, relacionados ao acesso e qualidade da água, além da coleta e tratamento de esgoto.

Participaram da sessão Helena Alegre, diretora do Departamento de Hidráulica e Ambiente do Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC), de Portugal; Sergio Ayrimoraes, superintendente de Planejamento de Recursos Hídricos da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA); Leo Heller, relator especial da ONU sobre o direito à água e ao saneamento básico e pesquisador da Fiocruz; e Marília Melo, secretária de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais.

Vinculado ao Tema 6 – Monitoramento e informação do ODS 6, o encontro teve como objetivo apresentar os sistemas e planejamentos de monitoramento relacionados à distribuição de água e esgotamento sanitário no Brasil e em Portugal, em prol do desenvolvimento das metas preconizadas na Agenda 2030 da ONU.

“O debate foi muito rico e abordou possíveis melhorias nos indicadores dos ODS 6, no sentido de não perder elementos relevantes dos objetivos internacionais. A observação de questões como equidade, higiene, acessibilidade financeira e inclusão de vulneráveis foram pontos considerados cruciais para a melhoria desses indicadores”, avaliou o moderador da sessão Samuel Alves Barbi Costa, gerente de Informações Econômicas da Arsae-MG. “O recado é claro, precisamos evoluir, sem deixar ninguém pra trás”, completou.

Promovida pela ABES – Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental, a Brazil Water Week reuniu ao longo desta semana especialistas de mais de 15 países para discutir a água em sua concepção mais ampla, com foco no Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 6 da ONU: Água e Esgoto para todos até 2030.

Ao todo, foram 30 sessões, divididas em 8 temas principais, mais de 50 horas de conteúdo online e mais de 120 especialistas envolvidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0